Uso de defensivos no Brasil é influenciado pela ocorrência de duas ou três safras ao ano