Cotações da soja conseguiram romper o teto dos US$ 9,00/bushel